A Lagartixa

 A lagartixa

A lagartixa, assim como a grande maioria dos lagartos, tem a capacidade de soltar o rabo como mecanismo de defesa contra o ataque de seus predadores. A cauda cai e fica se mexendo por alguns segundos para chamar a atenção do predador. Enquanto isso, o animal tenta se salvar do perigo, escapando para algum refúgio em que não possa mais ser visto. Após algum tempo, dependendo da espécie, a cauda passa por um processo de regeneração e cresce novamente, mas nunca mais ficará do tamanho original. O interior do membro não será mais feito de osso e terá outro tipo de tecido cartilaginoso. A esse processo, os biólogos denominam autotomia.
Engraçado como a Natureza, em toda sua perfeição, sempre vai nos ensinar grandes lições. Fiquei me perguntando como seria ótimo se esse processo de regeneração também acontecesse em nós, seres humanos. Mas qual foi o meu espanto a perceber que, olhando para minha vida, esse processo acontece conosco também. A diferença é que nossa regeneração não é celular...
A vida sempre nos ensina. Meu pai vivia repetindo para mim que a vida é uma grande escola. E hoje eu sei o quanto ele estava certo. O problema é que, às vezes, a gente insiste em repetir algumas lições.
E nesses aprendizados, a gente vai entendendo que nem sempre é fácil, que a caminhada é algumas vezes exigente, que seguir em frente implica em algumas cicatrizes, que o caminho é estreito, que a luta é dura e árdua.
Mas o que me fascina é que nesse momento o processo de regeneração acontece com a gente. Basta apenas que deixemos outro professor dessa escola da vida lecionar: o Tempo!
Esse maravilhoso professor vai nos mostrando que é possível reconstruir o que quebrou, curar as feridas, enxugar as lágrimas. A dor vai passando e a gente vai se preparando para os novos desafios. Nessa fase, surgem anjos ao nosso redor que vão tornando a regeneração mais rápida e menos solitária. A estes anjos chamamos de amigos.
Assim como alguns lagartos, o que regeneramos não fica igual ao que perdemos. Mas será que isto significa que ficou inferior? Creio que não. Fica apenas diferente. Ficamos melhores, mais fortes, mais senhores do nosso próprio destino.
E se os professores da escola da vida nos derem uma boa nota, conseguiremos até sermos aprovados e aguardar as novas conquistas que virão. Porque elas virão.
E assim como as lagartixas, após algum tempo, estaremos inteiros de novo, prontos para o futuro, mesmo que ele seja incerto. Mas ele sempre não é?

Vagner Lima

Sobre Fixação Literária

Fixação LiteráriaSomos jovens escritores que almejam um lugar nesse vasto campo que é o universo literário e termos a chance de acrescentar na amargura do mundo uma gota de criatividade, duas colheres de elegância e uma pitada de imaginação. Créditos imagem - Mell Galli
Recommended Posts × +

0 comentários:

Postar um comentário