Meteoros


Não é verão, tenho certeza que não, minha mãe acaba de fechar a janela e indagar como não sinto esse frio absurdo, eu sei. Embora você não esteja aqui, o calor dos seus braços me cerca e pela primeira vez noto que estou com sorriso bobo. Estimulado. Corrido, mas sincero. Complicado. Apressado, mas intenso. Sua neblina doce é instigante e irresistível. O escuro do quarto, olhar quente, bocas apaixonadas se procuram. Não se pode explicar o que ocorre com duas pessoas quimicamente potentes e apaixonadas. Não pode, mas se alguém perguntar, diga-lhes que eu fui ver as estrelas e acabei vendo meteoros, os meteoros dos seus olhos,  pelo qual fui atingida e recrutada. Fim. Tanto faz o que pensem. Eu sou mesmo louca e estou piorando a cada dia, porque eu acabei de descobrir que eu gosto dos meteoros, principalmente dos seus.

- Lore M.

Sobre Fixação Literária

Fixação LiteráriaSomos jovens escritores que almejam um lugar nesse vasto campo que é o universo literário e termos a chance de acrescentar na amargura do mundo uma gota de criatividade, duas colheres de elegância e uma pitada de imaginação. Créditos imagem - Mell Galli
Recommended Posts × +

0 comentários:

Postar um comentário