Santa Violência

Santa violência


Há sangue na avenida
Pavor nos olhares
Tenho muitas feridas
Mas guardo armas por todos lugares.

Há terror no tom
E ninguém sabe o que fazer
Anjos perderam seu dom
Por tentar nos proteger.

Deuses andam armados
Guerrilheiros perdem a luta
Apanham, são violentados
Morrem com lágrimas enxutas.

Crianças não tem brinquedos
- Adeus a desenhos e princesa -
Tem armas e contam nos dedos
os que morrem sem defesa.

Garotas sofrem abuso
Choram; queriam viver

"Tem uma condição" diz o intruso

"Vai morrer sem nunca dizer".

Interrogam aos céus
Por que tamanha violência
Mas encobrem os réus
E eu indago: no céu tem coerência?

Abaixem as cabeças, façam prece
Não vão a lugar nenhum
Para que a morte não apresse
E que... Boom!

- Lore M.

Sobre Fixação Literária

Fixação LiteráriaSomos jovens escritores que almejam um lugar nesse vasto campo que é o universo literário e termos a chance de acrescentar na amargura do mundo uma gota de criatividade, duas colheres de elegância e uma pitada de imaginação. Créditos imagem - Mell Galli
Recommended Posts × +

0 comentários:

Postar um comentário