Despedida

Despedida

     Estamos nos afastando, não mais fisicamente porque isso já foi feito, a distância que grita entre nós pede conversa; atenção; carinho; cheiro, entre tantas outras coisas que fomos perdendo ou deixamos de fazer ao longo do tempo. Só você não consegue ver que já não há mais laços entre a gente, nos perdemos, isso é fato.  Parece-me que esquecemos de terminar, aquele “adeus” ficou engasgado na garganta, meio que sem forças, não sei se por medo de uma possível saudade machucar ou por falta de tempo, aquele mesmo tempo que você nunca teve muito, lembra? Eu quero e necessito de presença. 
    Se liga, amor nenhum sobrevive de mensagens e ligações, mesmo na era moderna, porque moderno mesmo é amar e demonstrar que apesar de tantos empecilhos o amor pode existir de forma livre. Justamente por isso não posso, não quero e nem vou te cobrar tantas coisas, amor sentido é amor dado! Ninguém dá o que não tem e mendigar amor também não faz meu perfil, por isso prefiro ir embora antes que alguém aqui se machuque.
     Vivi um dia de cada vez, sorri, sorrimos e se te faz algum bem, te digo: "tenho plena certeza e consciência de que foi bom, foi doce, mas acabou".Apesar de morarmos na mesma cidade, você vive em seu próprio mundo e acabo me perguntando se algum dia alguém vai conseguir avançar nessa fronteira que existe em você chamada tempo ou seria justamente a falta dele?
      Tempo aquele que nos faltou na maioria das vezes, quando o tinha correu bem depressa e ao que me parece não volta mais. De verdade eu espero que você fique bem e se a saudade bater, não deixa entrar, pede pra ir embora e que não volte mais. 
     Sem dúvidas você me ensinou bastante, levarei para sempre tudo de positivo que vivemos, tenho convicção que depois da sua passagem em minha vida me tornei uma pessoa melhor, aprendi com você a ser mais paciente, forte, menos egoísta e olhar para o lado e poder ajudar quem precisa. Te agradeço por quem você é e por quem você foi no tempo que estávamos juntos, te escrevo com algumas lágrimas nos olhos que teimam em cair ritmadas, continue sendo amável e saiba que apesar de não existir mais o ‘’nós”, o “você” continua importante em minha vida, adeus.

- Tânelly Neriah


Compre os melhores livros pelos melhores preços:

Sobre Fixação Literária

Fixação LiteráriaSomos jovens escritores que almejam um lugar nesse vasto campo que é o universo literário e termos a chance de acrescentar na amargura do mundo uma gota de criatividade, duas colheres de elegância e uma pitada de imaginação. Créditos imagem - Mell Galli
Recommended Posts × +

8 comentários: